terça-feira, abril 16
Shadow
Continua após a publicidade..

XPIE11: Investindo no Futuro da Infraestrutura Brasileira

O XP Infra II Fundo de Investimento em Participações (XPIE11) é um FIP que oferece aos cotistas a oportunidade de investir em projetos de infraestrutura no Brasil. Através de uma gestão profissional e experiente, o fundo busca gerar retornos consistentes no longo prazo, com potencial de superar o mercado tradicional.

Neste artigo, abordaremos os principais aspectos do XPIE11, incluindo:

  • O que é o XPIE11?
  • Quais são os objetivos do fundo?
  • Como o XPIE11 investe?
  • Quais são os riscos e retornos do XPIE11?
  • Como investir no XPIE11?

O que é o XPIE11?

O XPIE11 é um Fundo de Investimento em Participações (FIP) de gestão ativa, com foco em investimentos em projetos de infraestrutura no Brasil. O fundo é gerido pela XP Asset, uma das maiores gestoras de investimentos do país, com ampla experiência no mercado de infraestrutura.

Quais são os objetivos do fundo?

O XPIE11 tem como objetivo principal gerar retornos consistentes no longo prazo para seus cotistas, através da seleção e investimento em projetos de infraestrutura com alto potencial de crescimento e rentabilidade.

Como o XPIE11 investe?

O XPIE11 investe em diferentes setores da infraestrutura brasileira, como:

  • Energia: Geração, transmissão e distribuição de energia.
  • Transporte: Rodovias, ferrovias, portos e aeroportos.
  • Telecomunicações: Implantação e expansão de redes de telecomunicações.
  • Saneamento básico: Abastecimento de água, tratamento de esgoto e resíduos sólidos.

O fundo busca investir em projetos em fase inicial e com menor risco, buscando maximizar os retornos para os cotistas.

Continua após a publicidade..

Quais são os riscos e retornos do XPIE11?

Os investimentos em FIPs, como o XPIE11, são considerados de longo prazo e com riscos moderados. Os principais riscos associados a este tipo de investimento são:

  • Risco de crédito: Risco de inadimplência dos emissores dos títulos em que o fundo investe.
  • Risco de mercado: Risco de oscilação no valor dos títulos em função de fatores externos.
  • Risco de liquidez: Risco de dificuldade em vender as cotas do fundo no mercado secundário.

O XPIE11 busca mitigar esses riscos através de uma gestão profissional e experiente, diversificação dos investimentos e análise criteriosa dos projetos.

Como investir no XPIE11?

Para investir no XPIE11, você precisa ter conta em uma corretora de valores. O investimento inicial mínimo é de R$ 100,00.

Tabela 1: Informações Relevantes do XPIE11

CaracterísticaDescrição
Nome completoXP Infra II Fundo de Investimento em Participações
CNPJ30.317.464/0001-97
SegmentoFundo de Investimentos em Participações (FIP)
GestoraXP Asset
Investimento inicial mínimoR$ 100,00
Taxa de administração1,30% ao ano
Taxa de performance20% sobre o que exceder o CDI + 6% ao ano
Cotação atual (01/04/2024)R$ 83,56

drive_spreadsheetExportar para as Planilhas

Conclusão

O XPIE11 é uma excelente opção para quem deseja investir em infraestrutura brasileira e contribuir para o desenvolvimento do país. O fundo oferece aos cotistas a oportunidade de participar de um mercado com alto potencial de crescimento e rentabilidade, com a segurança e expertise da XP Asset.

Antes de investir, é importante ler o regulamento do fundo e consultar um profissional de investimentos para obter orientação personalizada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *